Investimento Florestal Radix

Qual a relação florestas, aquecimento global e qualidade do ar?

Nos últimos anos, as questões ambientais têm sido intensamente discutidas e muito se fala a respeito de preservação das florestas, qualidade do ar e aquecimento global. Mas você sabe qual é exatamente a relação entre esses fatores e como um interfere nas ações do outro?
Entenda um pouco mais sobre essas questões tão importantes para o presente e o futuro do planeta.

O efeito do aquecimento global nas florestas

O aquecimento global é um fenômeno que tem como característica as alterações climáticas e o aumento da temperatura média do planeta, causado por emissões de gases capazes de intensificar o efeito estufa.
Os efeitos do aquecimento global no planeta envolvem vários aspectos e no caso das árvores e florestas, as consequências se dão pelo fato de o fenômeno provocar alteração do regime das chuvas, aumento da seca em determinadas regiões, tempestades, diminuição da biodiversidade, alterações nos ecossistemas, e perda de áreas férteis.
Além desses fatores já alarmantes, as estações do ano estão chegando fora de sua época, o que faz com que a vegetação e os solos sequem mais cedo.
Estudos apontam que se ocorrer de a temperatura do planeta subir entre 2 e 3ºC, 43% das florestas de todo o mundo estarão em risco, do mesmo modo que as espécies existentes nelas.
Os resultados do estudo indicam ainda que se esse aumento de temperatura ocorrer, 40% das florestas da Amazônia podem perder a sua vegetação nativa. Desse modo, a região irá se transformar em um ambiente parecido com o cerrado.

Relação entre florestas e qualidade do ar

A preocupação com a preservação das florestas se dá justamente pela sua importância para a qualidade de vida da humanidade, que precisa essencialmente de um ar saudável para sobreviver.
Uma pesquisa foi realizada no Reino Unido pela Universidade Lancaster e os resultados mostram o quão essencial as árvores são para conter a poluição do ar.
Segundo os estudos, as superfícies das árvores conseguem absorver mais da metade do material particulado, que é prejudicial aos pulmões. Já as folhas agem como filtros que absorvem os gases poluentes.
Para o estudo, vários exames foram feitos através de um microscópio eletrônico, que confirmou a ação das folhas na retenção de grande parte das partículas de poluição emitidas pela queima de combustíveis e pelo desgaste dos freios no trânsito.
A pesquisa comprovou ainda que as árvores podem eliminar metais presentes no ar contaminado, como o chumbo e o ferro.

Importância das florestas para o planeta

As florestas cobrem 30% da superfície terrestre e armazenam dois quintos do carbono dos ecossistemas de toda a terra e por esse motivo são consideradas “os pulmões do mundo”. Seu papel é manter o equilíbrio ecológico do planeta e melhorar a qualidade de vida dos seres vivos.
Mas, infelizmente, no ponto em que chegamos, para absorver a quantidade de carbono (CO2) que os seres humanos emitem na atmosfera e que são os responsáveis pelo efeito estufa, seria preciso que cada pessoa plantasse em média 1000 árvores por ano.

1 comentário em “Qual a relação florestas, aquecimento global e qualidade do ar?”

  1. Pingback: Mas afinal, para que fim comercial é usado o Mogno Africano? – Radix Investimentos Florestais

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Social Media

POstagens populares

Fique sempre atualizado!

Se inscreva em nossa newsletter para acompanhar novas atualizações

Sem spam, notificações apenas sobre novos produtos, atualizações.

Categories

POsts relacionados